Resenhas:

Top Five: Cinco Livros da Agatha Christie que você deveria ler



OI queridos!

Ontem fez 85 anos da morte da rainha do crime, Agatha Christie!
E para não passar em branco, vou fazer um Top Five dos  livros da Agatha Christie que se você não leu,deveria ler.

Vamos para a lista?



Quinto lugar: Convite para um homicídio.

 Durante mais uma tranquila e monótona manhã no pequeno vilarejo inglês de Chipping Cleghorn, um anúncio no jornal local deixa os habitantes em polvorosa: todos são convidados a presenciar um homicídio. Pensando ser apenas um jogo de detetive, os vizinhos comparecem em peso, sem estar preparados para o que viria a seguir.
Em meio a passados nebulosos e jogos de aparências, o cenário descortinado revela que ninguém é o que parece ser. Para resolver o mistério, a polícia conta com a perspicácia de Miss Jane Marple. Por trás dos cabelos brancos e das agulhas de tricô, a simpática velhinha imortalizada por Agatha Christie tem um profundo conhecimento do ser humano – e das atrocidades de que ele é capaz.
Fiquei admirada com a sagacidade por trás desse livro.Ele te prende em uma espiral e você quer ler rápido para descobrir logo quem é o assassino.Além disso, não tem como não se simpatizar com a Miss Marple, uma senhora perspicaz e divertida que fará aquilo que os detetives não conseguirão: Desvendar a verdade por traz do convite.

Quarto Lugar: O Mistério dos Sete Relógios

Durante uma temporada na distinta mansão Chimneys, um grupo de jovens espirituosos decide dar uma lição ao incorrigível Gerry Wade. Eles adquirem oito despertadores e os posicionam em seu quarto, para que finalmente acorde no horário apropriado da casa. A brincadeira toma um rumo inesperado quando Wade é encontrado morto em sua cama, vítima de uma aparente overdose.
No entanto, como explicar que apenas sete dos oito relógios estejam no local do crime? Uma carta deixada por Wade para sua meia-irmã sugere uma possível pista, envolvendo uma sociedade secreta ligada à máfia. Será que há algum tipo de conspiração internacional por trás da morte do rapaz? Uma organização criminosa que pode fazer ainda mais vítimas? É o mistério que Lady Eileen Brent e seus amigos tentarão desvendar, com o auxílio do superintendente Battle. Sobre o autor: Agatha Christie é simplesmente a romancista de maior vendagem de títulos da história, atrás apenas da Bíblia e de Shakespeare, razão pela qual é conhecida como a Rainha do Crime. Seus oitenta romances policiais e coletâneas de contos já foram publicados em mais de uma centena de línguas no mundo inteiro. O sucesso de sua obra, ampliado pelas inúmeras adaptações para o cinema e para a tevê, é um tributo ao eterno fascínio de seus personagens e à absoluta engenhosidade de suas tramas.


Gosto deste livro porque ele foge do óbvio.Quando você acha que já descobriu quem é o verdadeiro assassino, vai descobrir que esteve enganado. Aquele tipo de livro que você termina de ler e quer lê-lo novamente só para ter certeza de que entendeu corretamente a história.

Terceiro Lugar: Cai o Pano


Estava faltando o Poirot nesta lista né?
Neste livro,a convite de Poirot, o capitão Hastings retorna ao local da primeira investigação de ambos: a mansão Styles. O tempo passou: o detetive belga envelheceu e está em uma cadeira de rodas; já a antiga mansão foi reduzida a uma mera hospedaria. A visita, porém, se revela mais que um reencontro entre velhos amigos. O instinto de Poirot, ainda afiado, lhe diz que entre os hóspedes há um assassino. E ele precisa que Hastings o ajude a identificá-lo antes que haja mais uma vítima – e antes que seu tempo acabe.Escrito na década de 40, mas mantido em um cofre até sua publicação em 1975 (um ano antes da morte de Christie), Cai o pano é a última investigação de Hercule Poirot. Neste romance, considerado um de seus melhores, a Rainha do Crime concebe uma arrebatadora despedida ao seu maior e mais querido personagem.

Apesar de gostar muito da história deste livro, ele me deixa um pouco triste,por ser a despedida de Poirot. E se despedir de um grande personagem, que tantas vezes povoou nossa imaginação é bem
 difícil.No entanto, a história é incrível e Agatha Christie mais uma vez nos dá suspense e mistério na dose certa. Mas se prepare: Dizer adeus ao Poirot é bem complicado.

Segundo lugar: 13 a Mesa



Em morte a mesa, o famoso detetive Hercule Poirot se vê envolvido no assassinato do célebre Lord Edgware.
Ele eetava presente quando Jane, envaidecida, falara de seu plano para "livrar-se" do marido, de quem estava separada, mas não oficialmente, como ela desejava. Agora o homem estava morto. Mesmo assim, o grande detetive belga não podia deixar de sentir que alguém estava tentando iludi-lo. Afinal, como se explica que Jane tivesse esfaqueado Lord Edgware na biblioteca exatamente na hora em que era vista jantando com amigos? E qual seria o motivo agora, já que o aristocrata finalmente lhe dera o divórcio?

Um livro onde nada é o que parece ser e Poirot tem que abusar de seus instintos e sagacidade para desvendar o crime.
Com um texto elaborado, Agatha nos prende em uma trama onde nada é tão simples quanto parece.



Primeiro lugar: E Não Sobrou Nenhum (O Caso dos Dez Negrinhos).


Dez pessoas são convidadas pelo misterioso U.N. Owen para passar alguns dias numa ilha perto de uma aldeia pouco movimentada. Os convidados aceitam o convite e de igual maneira embarcam num barco local para a ilha. Na primeira noite, quando todos já se conheciam razoavelmente bem e conviviam animadamente na sala, ouve-se uma voz vinda das paredes da sala, acusando cada um dos dez presentes de ter cometido um crime, crime esse que apesar de ser despropositado ou inevitavél, levou à morte de outras pessoas. O pânico instala-se e mortes inexplicáveis se sucedem, tendo por única pista uma trova infantil.

A escolha do primeiro lugar foi a mais fácil para mim,pois de todos os livros da Agatha,este é sem sombra de dúvidas o meu favorito.
A história é bem escrita e a trama é incrível. O texto flui ao mesmo tempo que te prende em uma espiral que te faz perder o fôlego.Me vi devorando esse livro em poucos dias porque estava ansiosa para saber quem era o assassino.E quando cheguei ao final, qual não foi minha surpresa pelo fim inacreditável.
Um livro espantoso e magnífico, ideal para quem, assim como eu, adora uma boa trama.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esse espaço é seu!
Deixe seu comentário e não esqueça de deixar o endereço de seu blog, para que eu possa dar uma espiadinha!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...