Resenhas:

Quotes: A Última Carta de Amor - Jojo Moyes


Olá queridos,como estão?
Depois de alguns (muitos) problemas consegui um tempinho para terminar de ler A Última Carta de Amor! 
Ainda vou escrever a resenha, mas já separei os quotes mais legais do livro.
Vamos ver!


Para mim a coisa em geral é bem simples. Uma pessoa gosta de você, você gosta dela, vocês ficam juntos e é mais ou menos isso.
Quando a conheci, achei que você fosse uma coisinha frágil, alguém que eu precisava proteger. Agora percebo que me enganei. Você é a forte de nós dois, a que é capaz de suportar conviver com a possibilidade de um amor como este, e com o fato de que ele jamais nos será permitido.
Parecia-lhe que, se conseguisse fingir e se acreditassem nela, o que era fingimento poderia acabar sendo verdade.
Você me faz querer ser uma versão melhorada de mim mesmo. 
Porque ela era aquela coisa rara, genuinamente inatingível. 
Quando ela disse que o amava, foi com uma intensidade que lhe tirou o ar. O resto do mundo aos poucos parou e se fechou sobre eles, até restarem apenas os dois, um emaranhado de lençóis e braços e pernas, cabelos e gemidos baixos.
Em algum lugar desse mundo há um homem que  a ama, que entende quão preciosa, inteligente e boa você é.Um homem que sempre a amou e que, por mais que ele tente evitar, desconfia que sempre a amará. 
Apesar de todo o medo, era curioso como se sentia eufórica, como se tivesse fazendo a coisa certa. Viver talvez fosse isso. 
 Mas de repente me dei conta, no meio daquela pequena cena de loucura, que ter alguém que nos entenda, que nos deseje, que nos veja como uma versão melhorada de nós mesmos é o presente mais incrível.

É isso gente,Espero que tenham gostado!
Não esqueçam de deixar um comentário e seguir o blog!
Um super beijo e tchau tchau!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esse espaço é seu!
Deixe seu comentário e não esqueça de deixar o endereço de seu blog, para que eu possa dar uma espiadinha!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...